Vaidade é Fortaleza dos Fracos – Blog Livro e resenha

Blog Livro e resenha

Há textos que exigem releituras; há textos técnicos – jurídicos etc. – que exigem preparos; há textos que exigem experiências de vida das mais variadas; há textos que exigem simplesmente anos de vida, ou envelhecimento. Fato é que os textos exigem leitores e os leitores são complexos.

Existem leitores que precisam de textos para expandirem-se. Eu sou assim. Um dos diferenciais na vida contemporânea das pessoas é o acesso às ideias que os textos transmitem: livros, fotos e frases, crônicas e polêmicas. O leitor cresce internamente, desaprende ou aprende algo, justifica os prós e contras da sua própria vida.

O escritor tem a tarefa mais complicada. Ele é julgado o leitor da própria alma, e dentro de sua alma habitam as suas fraquezas, frustrações, decepções, recalques, repressões, atos falhos, limites, angústias, solidão, carência, amargura, desamor, ausências, ausências e ausências… Tudo dentro de sua alma introspectiva.

Já disse que o charme do escritor está em não desmentir o engano? Já disse que a principal virtude do escritor é expandir toda especulação e dúvida a respeito das leituras de seus textos? Inclusive quando ele justifica que é limitado. Mas ele sabe escrever seus limites e alimenta mais ainda…

O objetivo de quem escreve é ser lido. Fora isto, nada mais existe. Nem elogios, nem palmas, nem admiração, nem concordância valem tanto quanto ser lido. O leitor discorda e o faz porque discorda do texto e não do autor. Ótima desculpa para continuar a escrever.

As palavras escolhidas num texto poderiam ser outras. E agradar. É verdade. Quem as escolhe é o escritor. Verdade. Por outro lado, as palavras são do texto. Ao ler ou reler, do modo do leitor, o leitor reescreve também, por isto discorda, critica. Ora, a vaidade é algo feio. Escritor não pode ter vaidade. Fazer as unhas, arrumar cabelo, passar batom, maquiar-se, perfumar-se é vaidade. Para ficar feio? Lógico que não. Mas sabemos que tudo isto é vaidade. E que vaidade é algo feio. Vaidade é a fortaleza dos fracos, por nunca se sentir suficiente com aquilo que é na essência. Tudo é vaidade. Inclisive expandir. Tudo é vaidade.

Curta nossa página XD

Estamos no Google+

Comentários

Comentários